quinta-feira, 3 de abril de 2008

Primeiro Post


Primeiro Post.
Estou aqui, parada, sem saber o que escrever. Pensei em publicar um poema que escrevi quando tinha 15 anos, mas não achei o meu "diário" ou apenas "Livro dos Dias", como era chamado por mim. Vou explicar: ganhei uma agenda, um caderninho, de uma amiga, no dia do meu aniversário de 15 anos. Todo cheio de florzinhas, aquela coisa mais meiga. Imagina eu, em plena fase METAL, com um caderninho todo frufru? Logo transformei-o em um livro HARD, cheio de poeminhas sinistros, bem como a minha filosofia de vida naquela época. Lembrei-me agora, de que esse livrinho ainda tem algumas páginas em branco, à espera de mais momentos de catarse da sua dona.
Mas só tem uma coisa: quase 10 anos se passaram... quase 10!

Um comentário:

Fernanda disse...

HEY PROF
VOCÊ PARECIA COMIGO RSRS
SÉRIO!
EU JÁ ESCREVI TANTA COISA... MAS TANTA COISA EU JOGUEI NO LIXO...
VOCÊ PODIA ME MOSTRAR ALGUMA POESIA SUA!
BJO
T++